Como consegui sinergia com 9 escolas distintas
 - Minds English School - O inglês de verdade!
Minds English School - Minds Idiomas

Como consegui sinergia com 9 escolas distintas


Para ter sucesso na sua escola em 2019: Camila Vieira, Diretora da Minds Idiomas,  mostra os 5 passos para ter êxito na comunicação, lucro e gestão de pessoas operando 9 unidades simultaneamente

Imagem da participação de Camila no Super Líder  2018 (Treinamento para carreira com alto impacto mental e físico) 
 

O meu desafio do momento que eu desperto ao que eu vou descansar é como ter as minhas 9 escolas "conversando" e se "dando bem” entre si. São mais de 200 funcionários que colaboram para as áreas de marketing, pedagógico e administrativo. Para uma escola funcionar bem brinco que sem esse tripé, o resultado da imagem não é legal para ser postado. Ou seja, assim como o tripé utilizado pelos fotógrafos é essencial para capturar a melhor foto, o nosso tripé na Minds English School não consegue ter sucesso se não operar em conjunto. O setor de vendas depende do administrativo, o administrativo do pedagógico, o pedagógico de vendas, e aí por diante. É algo cíclico e não separado. Entendendo isso quando ampliamos essa noção para os nossos colaboradores não pode haver ruídos na comunicação. Afinal, os nosso funcionários, parceiros e sócios têm que falar uma mesma linguagem sobre a rede Minds. Termos os mesmos objetivos a médio, curto e longo prazo. E claro, cada um na sua função, percorrer estes objetivos.

Muitos franqueados e até colegas que não são da Minds já me questionaram como eu dou conta de administrar 9 escolas com perfis de pessoas tão diferentes, em lugares distintos, e culturalmente díspar. Apesar de todas as minhas unidades ficarem no Nordeste cada local tem os seus costumes, crenças e indivíduos que não são similares uns dos outros. Afinal, “Cada pessoa é um mundo” já afirmava Clarice Lispector. 

Para responder os meus parceiros de negócios e colegas não foi uma tarefa fácil. Li muito, trabalhei bastante, e acredito que a união entre a leitura, capacitação individual e prática fizeram com quem em 2018 eu conseguisse alcançar 100% da sinergia entre as minhas escolas. A primeira premissa que percebi é que sem as pessoas não fazemos nada e mais do que isso devemos respeitar a individualidade de cada um. Após essa percepção, em Janeiro 2018 iniciei o processo de aplicar um teste de comportamento no recrutamento e também nos que já são meus colaboradores. Para entender um  pouco mais de cada um. Depois desse teste iniciei os 5 passos que irei listar abaixo!

Com a percepção de cada indivíduo que me ajudava nas 9 escolas e  a tarefa de levar objetivos únicos para os mais de 200 colaboradores, seguem os 5 passos que adotei em 2018 nas minhas unidades:

1) Saia da sua zona de conforto

Parece uma dica óbvia, mas nós, seres humanos, somos programados para buscarmos e ficarmos na zona segura. Ou seja, em uma mesma rotina, na mesma casa, mesmo trabalho, mesmas atividades, etc. Isso acontece desde os caçadores e coletores, ou seja desde a pré- história. A nossa mente é treinada para a repetição desse comportamento porque esse padrão de busca nos é passado durante a nossa criação. Assim, eu busquei cursos de capacitação individual que realmente me tirasse dessa zona de conforto. E me tornei multiplicadora. Passei esses valores para os líderes de setor e esses líderes passaram para os demais. Geramos uma cadeia de conhecimento. 

2) A criatividade surgiu nas 9 escolas

Ao disseminar para todos(a) os colaboradores a ideia e as práticas de como sair da zona de conforto obtive o meu segundo passo: a criatividade deles. Comecei a ouvi-los, solicitei que me enviassem semanalmente as suas ideias e críticas, e quais seriam os seus objetivos profissionais a curto, médio e longo prazo.

3) Conciliar os objetivos 

Ao receber as metas de médio, curto e longo prazo dos meus colaboradores chequei quais os objetivos que implantei nessas 9 escolas e se eles “batiam”com o que os funcionários nos narraram. O resultado foi muito positivo, pois convergimos algumas ideias, descartamos outras e percebemos que os valores de muitos dos nossos colaboradores eram similares e/ou iguais aos que a rede Minds acredita concomitantemente ao que eu acredito. 

4) As metas estão com prazos e os funcionários sabem para onde ir e como ir

Esse quarto passo é o famoso - O que , Como, e Onde- ou seja, as metas foram estipuladas (curto, médio e longo prazo), o como foi explicado para cada colaborador ( cada um na sua função e sempre entendendo e respeitando a função que não lhe pertence)  e onde chegar. O onde envolve as bonificações que esses funcionários terão, prazo disso tudo e a renovação das metas/objetivos.

5) Mensuração

Todo esse trabalho de delimitar objetivos, como crescer na carreira, e etc foi mensurado. Começamos em Janeiro com esses 5 passos e neste mês , Dezembro, compilamos se deu certo a nossa estratégia de sinergia no Nordeste. O resultado foi muito bom: tivemos crescimento de 15% no faturamento, 45% dos funcionários tiveram bonificações, 90% estão satisfeitos quanto a meta anual cumprida, e 100% querem continuar com os 5 passos. Ou seja, tendo o norte de objetivos a médio, curto e longo prazo. 

Tudo isso só foi possível com uma comunicação 360° adequada e um bom canal para ouvir os funcionários. Criamos o nosso próprio site, temos conteúdos exclusivos, entramos de verdade no meio digital, mas sem esquecer as pessoas, os nossos funcionários. Capacitação e valores similares: através deles consegui sinergia em 2018 e posso dizer que estamos encerrando um dos melhores anos da Minds Nordeste.

Muito obrigada equipe e espero ajudar vocês com este artigo!

Camila Vieira é Diretora Administrativa da Minds English School e trabalha com a rede desde da sua criação em 2007.
Para mais informações de imprensa:

Juliana Queissada
 juliana.queissada@comunicacaominds.com.br – (11) 99813 6291

 

< Voltar

REDES SOCIAIS


CURTA NOSSA
FAN PAGE E SAIBA
DE TODAS NOVIDADES
DA MINDS